Reforma da Previdência: uma ameaça à nossa aposentadoria!

0
154
Charge: Laerte

A reforma da Pre­vidência ignora os riscos da profissão de vigilante e acaba com a aposentadoria especial, que atualmente garante aos trabalhadores da segurança privada o direito de se aposentar com 25 anos de trabalho ininterruptos.

“Se a reforma da Pre­vidência for aprovada o vigilante entrará na regra geral – aquela que vale para toda a população – e para se aposentar terá que ter pelo menos 65 anos de idade e a vigi­lante, 62, tudo isso com ao menos 30 anos de contribuição para am­bos”, explica o ad­vogado André Luiz Domingues Torres, especialista em direito previdenciário.

Na verdade, a proposta apresentada pela equipe econômica do governo federal estraçalha a aposentadoria de milhões de brasileiros. Vale lembrar que o modelo de capitalização da Previdência, proposto pelo governo Bolsonaro, é o mesmo adotado no Chile na década de 1980, que reduziu benefícios e aumentou a desigualdade social.

Junte-se à luta organizada pelo nosso sindicato e participe da mobilização em defesa dos nossos direitos.