Convenção Coletiva dos vigilantes em discussão

0
8

Por assessoria de imprensa | Foto: Arquivo/Sindsegur

Na manhã desta quinta-feira (13/8) representantes do Sindsegur e das empresas de vigilância voltaram a se reunir na Superintendência Regional do Ministério do Trabalho, em Natal.

mte-bene

O encontro serviu para continuar a discussão sobre a Convenção Coletiva de Trabalho 2015/2016, que ainda não foi assinada porque o Sindesp (Sindicato das Empresas de Vigilância Privada) encaminhou ação de suspensão em relação ao ticket alimentação.

O coordenador geral do Sindsegur, Francisco Benedito (Bené), chama a atenção para a necessidade de manter as negociações com o propósito de garantir os direitos e as conquistas sem nenhuma perda para a categoria. “Os vigilantes podem ficar sossegados, pois, a exemplo do ticket alimentação que aguarda o julgamento do Tribunal Superior do Trabalho, o Sindsegur não vai abrir mão de nenhum direito conquistado pelos vigilantes patrimoniais do RN”, afirmou Bené.