Interfort: Ação judicial reivindica pagamento de horas extras durante o curso de reciclagem

Com objetivo de assegurar os direitos dos trabalhadores garantidos na Convenção Coletiva de Trabalho (CCT) o Sindsegur encaminhou uma ação judicial para regularizar o pagamento das horas extras dos vigilantes da Interfort que realizaram curso de reciclagem e não receberam os devidos valores.

Vale ressaltar, que antes de encaminhada a ação judicial o nosso sindicato realizou diversas notificações a empresa com objetivo de regularizar a situação.

Como é de conhecimento de toda categoria, os empregados que realizam curso de reciclagem nos dias de folga é obrigatório que a empresa realize o pagamento de horas extras, admitindo-se a compensação.

Diante da situação, a empresa Interfort não realizou a compensação ou pagou os vigilantes os valores das horas extras. Portanto, o Sindsegur encaminhou uma ação judicial reivindicando o pagamento do referido direito previsto na Convenção Coletiva.

Não vamos aceitar nenhum tipo de exploração contra nossa categoria. A batalha contra o descumprimento da convenção coletiva de trabalho tem sido intensa, mas o Sindsegur é um sindicato de luta e vai continuar notificando e denunciando as empresas que descumprem direitos e cobrar, política e juridicamente, que as mesmas assumam seus compromissos trabalhistas. Juntos somos mais fortes.

Deixe um comentário