Sindsegur reivindica ao Ministério da Saúde e ao governo do RN vacinação urgente dos vigilantes patrimoniais

0
188

Nesta quarta-feira, 24 de março, o Sindsegur notificou o Ministério da Saúde exigindo a inclusão dos profissionais da segurança privada do Rio Grande do Norte nos grupos prioritários do Plano de Vacinação contra a Covid-19.

Além disso, o sindicato também protocolou ofício diretamente para a governadora, Fátima Bezerra, com objetivo de garantir a inclusão dos trabalhadores vigilantes para serem vacinados contra a Covid 19. A atividade de segurança privada é serviço essencial e os trabalhadores profissionais estão expostos continuamente à doença.

De acordo com o coordenador geral do Sindsegur, Pablo Henrique, os vigilantes, desde o início da pandemia do novo coronavírus, trabalharam continuamente na linha de frente, em hospitais, unidades públicas e privadas que não deixaram de funcionar.

Infelizmente desde o início da pandemia, em março de 2020, muitos profissionais da área de segurança privada se contaminaram e muitos faleceram vítimas da Covid-19. É necessário dar um basta nessa situação.

“Faz-se necessário que essa Secretaria Estadual de Saúde e o Ministério da Saúde direcione esforços no sentido de atender a reivindicação na nossa entidade, priorizando a vacinação dos profissionais da vigilância, incluindo-os nos grupos prioritários do Plano de Vacinação contra a Covid-19”, Afirmou Pablo.

Portanto, vamos continuar na luta exigindo respeito e valorização aos profissionais da segurança privada. Nosso sindicato vai continuar cobrando dos órgãos competentes a inclusão da nossa categoria nos grupos de prioridade do Plano Nacional e Estadual de Vacinação contra a Covid-19, uma vez que, onde quer que estejam trabalhando, sejam hospitais, clínicas, unidades de saúde, bancos ou outros estabelecimentos públicos e privados, são os primeiros a terem contato com o usuário.

COVID 19 PRIORIDADE