Sindsegur presente na greve geral

0
152
Fotografia: Taian Marques/Coletivo Foque

A greve geral convocada pelas centrais sindicais unificou diversas categorias dos setores público e privado. Paralisou expediente bancário, transporte público, comércio, fábricas, escolas e levou a classe trabalhadora mais uma vez para as ruas. O Sindsegur marcou presença e ajudou a fortalecer mais essa luta.

Os protestos contra a reforma da Previdência, em defesa da educação e por emprego ocorreram em mais de 300 cidades, reunindo milhões de pessoas em manifestações espalhadas por todo o país.

Desde as primeiras horas da manhã da sexta-feira (14/6) o movimento sindical e popular realizou atividades da Greve Geral em várias cidades do Rio Grande do Norte, bloqueios de estradas, como o acesso ao aeroporto Aluízio Alves, além de piquetes nas entradas de fábricas e agências bancárias.

No começo da tarde a avenida Salgado Filho, na capital Natal, foi tomada por uma multidão que foi se concentrando em frente ao shopping Midway Mall até se transformar numa imensa passeata, que segundo organizadores reuniu cerca de 80 mil pessoas.

Vale reforçar que essa tal reforma da Previdência acaba com a Aposentadoria Especial, que atualmente garante aos trabalhadores da segurança privada o direito de se aposentar com 25 anos de trabalho, sem exigência de idade mínima. Se a reforma da Previdência for aprovada o vigilante terá que ter 65 anos de idade e a vigilante, 62, para conseguir se aposentar, acabando com uma conquista histórica que é a Aposentadoria Especial para mais de 2.500.000 vigilantes em todo o Brasil.