Audiências no TRT encaminham processos sobre hora reduzida na Interfort, Monteforte e Envipol

0
1105
Foto: Rogério Marques

Nos dias 13 e 14 de agosto o Sindsegur participou de três audiências no Tribunal Regional do Trabalho (TRT) com as empresas Interfort, Monteforte e Emvipol para tratar sobre o pagamento da hora noturna reduzida.

Durante as audiências a diretoria do nosso sindicato rejeitou qualquer possibilidade de conciliação. De acordo com o coordenador geral do Sindsegur, Pablo Henrique, o objetivo dessas ações é garantir que as empresas efetuem o pagamento da hora reduzida, inclusive o retroativo.

Na audiência com a empresa Interfort a assessoria jurídica da nossa entidade anexou novos documentos ao processo para comprovar que as empresas estão recebendo o valor da hora reduzida, porém, não estão repassando aos vigilantes. Na ocasião, o advogado da empresa apontou complexidade da documentação e solicitou um prazo para analisar os referidos documentos.

Para o advogado do Sindsegur, Roberto Amorim, o pedido de prazo solicitado pela empresa só traz mais atraso à solução final do processo.

O juiz da 7ª vara do trabalho de Natal, Alexandre Érico Alves da Silva, responsável pelos processos referentes às empresas Interfort e Monteforte agendou o julgamento das ações para o dia 5 de outubro. Já o processo contra a empresa Emvipol, que tem como responsável a juíza da 5ª vara do trabalho, Anne de Carvalho Cavalcanti, teve julgamento marcado para o dia 11 de outubro.

A diretoria do nosso sindicato está sempre alerta e vai continuar encaminhando todas as formas de luta e, sempre que for necessário, mobilizará os trabalhadores para fazer valer todos os direitos garantidos na Convenção Coletiva da nossa categoria.

Agenda de luta

Na próxima quinta-feira, 16 de agosto, será realizada mais uma grande manifestação pelo cumprimento da CCT. A concentração será às 8 horas na sede do Sindsegur. Junte-se a nós e vamos à luta!