Mulheres vigilantes em defesa dos direitos e da vida!

0
446

Por assessoria de comunicação | Fotografia: Arquivo/Sindsegur

 

A dirigentes do Sindsegur Dalcilene Cabral e Cleiza do Nascimento exercem uma tarefa fundamental junto às vigilantes patrimoniais.

A profissão de vigilante enfrenta riscos de vida que deixam a categoria em estado de alerta constante. Para as mulheres, que trabalham em média 7,5 horas a mais que os homens por semana devido à dupla jornada, a situação piora com a sobrecarga de trabalho, que inclui tarefas domésticas e trabalho remunerado.

Os dados do Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea) comprovam a desigualdade com a desvantagem das mulheres no mercado de trabalho.

Daí a importante tarefa do sindicato na organização e mobilização das mulheres trabalhadoras. É a luta por igualdade de direitos e pelo combate à violência machista.